Buscar

Viscum album: a planta anticâncer que não querem que você conheça

Maior Menor
Fernanda Mayane

Fernanda Mayane

20 maio 2021

Redatora

Está entre os tratamentos integrativos para o câncer mais usados na Europa. Conheça o viscum album, poderoso antitumoral e protetor imunológico

 

Um dado da Agência Internacional para Pesquisa sobre Câncer prevê 19,3 milhões de novos casos de câncer no mundo até o fim de 2021, sendo que em 2020 a doença matou mais de 1 milhão de pessoas apenas no Brasil.

Mesmo sendo uma enfermidade que assombra a humanidade há mais de 1 bilhão de anos, ainda é um desafio tremendo para a medicina avançar nos estudos da cura. 

Atualmente, o tratamento padrão para o câncer é baseado no uso de drogas citotóxicas, radioterapia, quimioterapia e cirurgia. No entanto, o uso de tratamentos integrativos têm recebido atenção nos últimos anos. 

Entre eles, uma planta medicinal desconhecida no Brasil, e muitíssimo usada na Europa — principalmente na Alemanha — para potencializar o tratamento tradicional, o viscum album.

O segredo milenar: Conheça o Viscum Album

 

O viscum album é um arbusto hospedeiro, usado como medicamento pela primeira vez em forma injetável, por Rudolf Steiner e Ita Wegman —  fundadores da medicina antroposófica — em 1920.

Ela está entre as estratégias utilizadas pelo médico da JOLIVI, Dr. Mikhael Marques , no tratamento de seus pacientes com a doença.

Os extratos de viscum, estão entre os tratamentos de câncer mais usados na Europa. Isso porque são ricos em lectinas e viscotoxinas, que são os responsáveis pelos efeitos imunomodulador e antitumoral. 

Ele costuma ser usado em conjunto dos tratamentos tradicionais de câncer como quimioterapia, radioterapia, terapia hormonal e outros tratamentos pertinentes. 

A eficácia clínica de extratos de viscum no câncer, foi investigada em um grande número de estudos, sendo 43 ensaios clínicos prospectivos, entre eles, um estudo  publicado no Journal of Experimental & Clinical Cancer Research, aponta que o viscum album possui efeitos positivos no câncer de mama e ginecológico.

Além disso, ele também possui um forte poder imunológico, dando mais força para as células de defesa, fazendo com que elas sofram uma mutação, agindo também diretamente sobre as células tumorais, estimulando a apoptose (morte programada) delas.

De forma frequente também é utilizado como terapia paliativa  — amenizando efeitos nocivos e dolorosos da doença — com a finalidade de melhorar a qualidade de vida em pacientes oncológicos terminais.

Isto é a prova de que a cada dia a natureza nos surpreende ainda mais, e que não devemos subestimar tais possibilidades de cura que ela nos oferece.

Atenção:

Se você não tem a oportunidade de encontrar um médico de saúde natural ou integrativa, leve essas alternativas naturais ao seu médico de confiança e veja o tratamento que mais se encaixa no seu caso.

 

Curiosa vitamina pode induzir células cancerígenas ao suicídio

Cientistas japoneses descobriram que uma simples vitamina, utilizada em grandes quantidades, pode induzir as células cancerígenas ao suicídio. Há boas notícias também a quem está sob tratamento, já que a substância também potencializa os efeitos da quimioterapia em 53%.

O Dr. Naif Thadeu revela tudo aqui

 

Referências:

 

  • BIESKI, I.G.C.; CRUZ, M.G. Quintais medicinais. Mais saúde, menos hospitais – Governo do Estado de Mato Grosso, Cuiabá, 2005. 
  • VEIGA JUNIOR. V.F.; PINTO, A.C.; MACIEL, M.A.M. Plantas medicinais: cura segura? Química Nova, v.28, n.3, p. 519-528, 2005.
  • Mueller EA, Anderer FA: A Viscum album oligosaccharide activating human natural cytotoxicity is an interferon gamma inducer. Cancer Immunol Immunother 1990.
  • Kienle GS, Glockmann A, Schink M, Kiene H: Viscum album L. extracts in breast and gynaecological cancers: A systematic review of clinical and preclinical research. J Exp Clin Cancer Res 2009
  • MS / INCA / Estimativa de Câncer no Brasil, 2020

 

 

Fernanda Mayane

Fernanda Mayane

20 maio 2021

Redatora

Conteúdos Relacionados