Buscar

Caiu o mito: chá de gengibre não aumenta a pressão

Maior Menor
Pedro Bezerra Souza

Pedro Bezerra Souza

13 julho 2021

Editor

O gengibre é uma planta que dá vigor, mas isso não quer dizer que seja ruim para problemas de hipertensão; depois de ler esse texto, você já pode preparar um chá para controlar sua pressão

Melhora resfriado, levanta a imunidade e até dá energia após uma noite de bebedeira. O gengibre (Zingiber officinale) é uma raiz bem conhecida pelos seus benefícios, mas sofre de uma falácia que tomou grandes proporções: ele não faz bem para quem tem pressão alta. É mentira e vou desmistificar isso aqui, certo?

Vamos lá, então.

Se você costuma acompanhar os conteúdos da Jolivi, já sabe que a nutricionista Lara Cerqueira é uma grande conhecedora de plantas medicinais — e com o gengibre não seria diferente.

Conquiste a pressão ideal de 12×8 com poderosas plantas medicinais com a nutricionista Lara Gabriela Cerqueira

Decidi perguntar a quem melhor poderia me responder sobre essa relação entre gengibre e hipertensão.  

“A ação do gengibre no corpo não é o aumento de pressão arterial. Como ele é um termogênico, essa ‘reação’ assusta os hipertensos, mas é um mecanismo diferente dentro do nosso organismo, que não impacta no aumento da pressão”, me respondeu a Lara. 

“Os estudos mostram inclusive efeitos benéficos da raiz. Então, o gengibre pode, sim, ser uma planta anti-hipertensiva”, complementa a nutricionista.

O que diz a ciência

A ciência comprova o que a Lara Cerqueira me disse. Uma meta-análise publicada pelo periódico científico Phytotherapy Research em 2018. Um grupo de pesquisadores avaliou os resultados de seis ensaios clínicos com 345 participantes diagnosticados como hipertensos.

A análise sugeriu que a suplementação de gengibre pode reduzir a pressão arterial sistólica (que é o maior valor verificado durante a aferição de pressão arterial) e a diastólica (que é o menor valor verificado). No caso de uma pressão 12×8, 12 é o valor sistólico e 8 é o diastólico.

A pesquisa foi categorizada com base na idade média dos participantes, que era de 50 anos, e percebeu que dada a dosagem de gengibre, a pressão diminuiu significativamente durante o acompanhamento do processo clínico — que foi de oito semanas.

A ciência é enfática e corrobora com o dito pela nutricionista: o gengibre não vai gerar aumento da pressão arterial.

E se o gengibre me deixar mais agitado?

Esse, talvez, seja um dos principais questionamentos sobre a relação do gengibre e hipertensão. Mas a Lara me explicou como isso acontece e se, respeitando a sua individualidade, o gengibre é ou não a melhor opção de planta medicinal para tratar a sua pressão alta.

“O gengibre é uma planta que influencia nos nossos neurotransmissores e nos deixa mais agitados, com mais vontade de fazer as coisas. Então, uma pessoa pode, sim, tomar o chá de gengibre e se sentir mais eufórica”, detalha Lara. 

Então, se você já é uma pessoa mais “frenética” e, ao utilizar o gengibre, percebe que fica mais agitada, o recomendável é verificar outra opção que seja melhor para você.

A nutricionista conta aqui qual é a melhor planta para tratar a sua hipertensão

Se você é mais inquieto e, ainda assim, optar pelo gengibre, o ideal é que você não tome o chá à noite. Ele dá um vigor que pode atrapalhar o seu sono. “E, por fim, abra o seu coração e pare de acreditar que o gengibre sobe a pressão”, recomenda a nutricionista.

Aprenda a preparar o chá de gengibre

Até aqui, você já deve ter entendido que o gengibre traz benefícios para a saúde como um todo — e não estamos falando só da pressão. Ele é um anti-inflamatório potente, inclusive com efeitos parecidos com medicamentos alopáticos.

Além disso, é eficaz para artrites, problemas no aparelho digestivo e até diabetes. Neste último, o gengibre é eficaz porque o gingerol — o principal componente da planta — é poderoso no controle da glicemia.

Então, se você quer incluir o gengibre nos seus hábitos alimentares, atenção à receita da Lara Cerqueira. Separe:

  • 180ml de água; e
  • 2 a 3 cm de raiz de gengibre.

Coloque de 2 a 3 cm de raiz de gengibre em uma panela com 180 ml de água e deixe ferver por 5 minutos, desligue e deixe em infusão por mais 10 minutos. Coe, espere amornar e beba até 3 vezes por dia.

Não vai mais pensar que o gengibre é um vilão à sua hipertensão, tá?

Referência:

  • Hasani H, Arab A, Hadi A, Pourmasoumi M, Ghavami A, Miraghajani M. Does ginger supplementation lower blood pressure? A systematic review and meta-analysis of clinical trials. Phytother Res. 2019 Jun;33(6):1639-1647. doi: 10.1002/ptr.6362. Epub 2019 Apr 11. PMID: 30972845.

 

Pedro Bezerra Souza

Pedro Bezerra Souza

13 julho 2021

Editor

Conteúdos Relacionados