Buscar

Água com quiabo como tratamento natural de diabetes? Dr. Rondó explica

Maior Menor
Dr. Wilson Rondó

Especialista: Dr. Wilson Rondó

Médico Cirurgião Vascular e Nutrólogo

CRM: CRM 47078/SP

11 agosto 2020

Dr. Wilson Rondó é médico formado em cirurgia vascular e especialista em nutrologia. Em seus 33 anos de profissão, já atendeu 20 mil pessoas. Percorreu diversos países pioneiros na visão integrativa do paciente, como França, Alemanha e Estados Unidos, em busca de respostas para o diabetes e a obesidade.

Recentemente, alguns sites têm propagado que o quiabo é o “tratamento natural de diabetes”.

Afinal, qual é a ciência do quiabo? Como ele pode ajudar no controle da glicemia?

 

Conteúdos relacionados:

 

O quiabo (Hibiscus esculentos) tem origem africana e chegou ao Brasil com os escravos, firmando-se na Bahia por intermédio de seu uso no caruru, um prato típico.

Atualmente é produzido também em São Paulo e Minas Gerais.

O que você precisa saber é que, por enquanto, o quiabo para o tratamento natural de diabetes foi testado com sucesso em roedores, mas ainda não em humanos.

Os resultados, porém, são promissores.

Os benefícios do quiabo como tratamento natural de diabetes

Em três estudos na sequência, vemos evidências de que o quiabo pode ajudar a função da insulina ou até mesmo substituí-la.

Ele também retarda a glicose de entrar no sangue, o mesmo efeito da medicação acarbose (nome comercial Glicobay).

Em 2005, a revista Planta Médica publicou um estudo realizado em Taiwan, que testou quiabo em ratos com diabetes.

Os pesquisadores purificaram uma substância química chamada miricetina do quiabo.

Eles deram aos ratos a solução endovenosa. A miricetina aumentou muito a capacidade dos músculos dos ratos de absorver glicose, o que, por sua vez, reduziu os níveis de açúcar no sangue.

O Journal of Pharmacy & Bioallied Sciences publicou um estudo indiano, em 2011, quando pesquisadores alimentaram ratos diabéticos com sementes de quiabo em pó e extratos de casca.

Após 28 dias de consumo dos extratos, os ratos mostraram uma redução significativa nos níveis de açúcar no sangue.

O refrigerante que derrete sua gordura

Pesquisadores comprovaram que uma bebida milenar, considerada o refrigerante mais antigo do mundo, tem propriedades capazes de literalmente derreter a gordura do seu corpo.

Essa bebida tem sido mais efetiva em pessoas acima de 50 anos – veja aqui qual é esse refrigerante.

Mas o problema, como foi mencionado no início, é que as pesquisas foram feitas em animais na Ásia…

Há muitos comentários de médicos e leitores de que “não há pesquisa” ou “nenhuma evidência clínica” que o quiabo ajude.

Portanto, esses comentaristas acreditavam que ninguém deveria tentar usar este alimento, tão barato, como ajudante do tratamento contra o diabetes.

Eu não penso desta forma.

Muitas vezes, tratamentos baratos, sabemos, não têm tanto destaque e por isso não há grandes pesquisas e revisões científicas sobre o assunto.

Mas é fato que a ciência pode deixar de fora algo realmente promissor e revolucionário.

Sem pesquisas em humanos, eu não posso indicar que você use o quiabo como única alternativa para regredir o diabetes.

Mas a sua utilização, sem abandonar o tratamento médico, não traz prejuízos.

Muito pelo contrário.

Um alimento barato e simples pode ser sim uma alternativa para tratar diabetes naturalmente

Um alimento barato e simples pode ser sim uma alternativa para tratar diabetes naturalmente

Veja alguns benefícios já conhecidos do quiabo:

  • Ajuda a reduzir o estresse oxidativo
  • Ação antiestresse
  • Melhora a cognição cerebral
  • Ajuda na digestão dos alimentos
  • Reduz o desejo de fome

Como utilizar quiabo como antidiabético?

Você pode cozinhar com quiabo, comê-lo cru, ou mergulhá-lo na água e depois bebê-la.

Sim, amigo, essa água é poderosa.

O modo de uso do quiabo na água é muito comentado hoje. E quem usa, já viu a sua taxa de açúcar no sangue cair.

O site Diabetes Self-Management oferece esta receita para fazer água de quiabo:

““Pegue duas ou quatro pequenas vagens, corte as pontas, perfure ou fatie as laterais e mergulhe-as durante a noite em 200 ml de água. Em seguida, pegue as vagens e esprema a gosma em uma nova xícara e adicione água a ela.  Tome em jejum, logo pela manhã.

Se você tentar isso, trate-o como um remédio. Tome todos os dias durante pelo menos quatro semanas. Não pule. Mantenha registros de seus açúcares e mostre-os ao seu médico”.

Antes de você ir, só um aviso: o quiabo parece potencializar o efeito da metformina, da mesma forma que bloqueia a glicose.

Apesar de não haver nada publicado em relação a causar hipoglicemia (baixo teor de açúcar), isso não significa que não possa acontecer.

Portanto, tenha cuidado se você estiver tomando insulina e consulte sempre o seu médico, especialmente quando se trata de reduzir seus medicamentos.

Qual delas faz bem para a próstata?

Você é capaz de acertar qual dessas bebidas é vital para a saúde da próstata, a Glândula do Homem?

Dica: é uma das mais pedidas nos happy hours de todo o país. Descubra aqui.

Dr. Wilson Rondó

Especialista: Dr. Wilson Rondó

Médico Cirurgião Vascular e Nutrólogo

CRM: CRM 47078/SP

11 agosto 2020

Dr. Wilson Rondó é médico formado em cirurgia vascular e especialista em nutrologia. Em seus 33 anos de profissão, já atendeu 20 mil pessoas. Percorreu diversos países pioneiros na visão integrativa do paciente, como França, Alemanha e Estados Unidos, em busca de respostas para o diabetes e a obesidade.

Conteúdos Relacionados